Vice-prefeito de Mococa, Felipe Naufel, participa de inauguração da carreta do Mulheres de Peito junto com governador de São Paulo

12 de julho de 2017 48 visualizações 0 comentários imprimir
  • O vice-prefeito de Mococa, Felipe Naufel, recepcionou o Governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, junto com o prefeito de São Sebastião da Grama, Ricardo Ribeiro Florido, na chegada de helicóptero à cidade. O encontro aconteceu nesta terça-feira, dia 11, e reuniu autoridades de toda a região.

    O motivo da visita do chefe do executivo estadual foi para inaugurar a carreta do programa Mulheres de Peito, que oferece mamografias gratuitas sem necessidade de pedido médico para mulheres entre 50 e 69 anos de idade.

    Na oportunidade, Felipe Naufel aproveitou para solicitar ao governador R$ 2 milhões para recape, R$ 140 mil para a compra de duas ambulâncias, R$ 500 mil para a renovação da frota e um pedido para que a carreta-móvel realize atendimentos em Mococa.

    ENTENDA A VISITA DO GOVERNADOR >>>> Carreta do programa Mulheres de Peito chega a Sebastião da Grama

    A cidade de São Sebastião da Grama recebeu a carreta-móvel do programa “Mulheres de Peito”, que oferece mamografias gratuitas sem necessidade de pedido médico para mulheres entre 50 e 69 anos de idade. O início dos trabalhos na cidade contou com a presença do governador Geraldo Alckmin.

    “Hoje temos quatro carretas percorrendo o Estado de São Paulo, além dos atendimentos fixos”, disse o governador. “Nós já fizemos mais de 130 mil atendimentos. Acima de 50 anos de idade não precisa nem do pedido médico e abaixo de 50 anos tem que ter o pedido do médico”, disse o governador.

    Ainda de acordo com Alckmin, a cada 100 exames, na média mundial, em 1,5% aparece algum problema. Nos outros 98,5 %, a mulher volta para casa. Nas carretas, as imagens captadas pelos mamógrafos são encaminhadas para o Serviço Estadual de Diagnóstico por Imagem (Sedi), serviço da Secretaria que emite laudos a distância, na capital paulista. O resultado sai em até 48 horas após a realização do procedimento.

    A iniciativa da secretaria tem como objetivo ampliar o acesso e incentivar as mulheres a realizarem exames de mamografia pelo SUS (Sistema Único de Saúde) em todo o Estado. Para isso, cinco carretas-móveis percorrem os municípios paulistas ininterruptamente.

    Durante a visita, o governador Alckmin autorizou o processo de regularização fundiária do programa Cidade Legal para sete famílias do bairro Santa Mônica. O investimento neste trabalho, de R$ 72 mil, faz parte do Morar Bem, Viver Melhor. Na ocasião, também foi renovado o convênio do programa Cidade Legal junto à prefeitura da cidade.

    “Muitas famílias estão nas casas, nos lotes, mas não têm a escritura. Então é um trabalho de regularização fundiária que fazemos com a CDHU para legalizar. Estamos fazendo com 130 mil famílias no Estado de São Paulo”, comentou Alckmin. Além disso, ele assinou com a prefeitura um convênio para transferência de R$ 250 mil para reforma da praça municipal São Sebastião, situada entre as Ruas Ambrósio Rodrigues, Capitão Gabriel, Major Vaz e José Cassiano de Mesquita.


    Incorporar: